21 de outubro de 2017

Capitulo 02

Século XXI, ano de 2010
Vanessa andava apresada pela rua de Los Angeles, estava atrasada para o trabalho, andava de cabeça baixa, os óculos estavam no meio de seu nariz quase indo ao chão quando sentiu bater em alguem
- Me desculpe
Disse tateando o chão pegando sua pasta e papéis que haviam de espalhado
- Não tem problemas
- Droga
Disse ao pegar os óculos na mão com uma das lentes totalmente quebrada
- Você precisa de ajuda?
Perguntou o homem, Vanessa colocou os óculos mesmo rachado de volto ao resto, e se colocou de pé
- Não
- Meu Deus, seus óculos
Vanessa abaixou a cabeça envergonhada sentiu suas bochechas ficarem quentes, estava envergonhada
- Me chamo Zachary Efron - Disse o homem - Zac
- Prazer Sr. Zachary, chamo-me Vanessa, me desculpe estou atrasada
Vanessa saiu novamente correndo deixando o homem para trás estático, por sua vez o homem saiu do transe e começou a caminhar, colocou a mão no bolso esquerdo tentou lembrar-se da mulher que havia esbarrado, escondia uma beleza por trás daqueles óculos, tinha a pele bronzeado, os cabelos compridos até a cintura que era fina, tinha os olhos de cor âmbar lindos, sorriu sozinho e continuou seu trajeto.
Vanessa chegou a redação e colocou seus papéis e pasta sobre a mesa, tirou os óculos, o estrago tinha sido grande, ao organizar seus papéis viu que uma das pasta não era sua provavelmente pertencia a Zachary, a curiosidade faliu mais alto e também teria que ver para lhe devolver, ao abrir se deparou com alguns documentos, numero de telefone, fax, endereço e um número de celular, viu que o homem era advogado e tinha um escritório no centro de Manhattan
- Bom dia Vanessa
- Bom dia Ashley
- Meu Deus o que houve com seus óculos?
- Ah, esbarrei em uma pessoa vindo para cá, a propósito pode segurar aqui por alguns minutos, tenho que entregar isso a ele, se misturou ao meio de minhas coisas quando as deixei cair.
- Claro
Sorriu
- Obrigada
Novamente Vanessa saiu apresada esquecendo os óculos sobre a mesa mais não sentiu a falta deles, pegou o elevador até o 1º andar onde saiu, pegou um táxi indo até o endereço 'maldita hora para meu carro estar na oficina' pensou internamente. Ao pararem no endereço Vanessa desceu, abriu novamente a pasta para ver em que andar o homem trabalhava, passou pelo saguão e por ser um prédio para escritórios ninguém a perguntou onde ia, pegou o elevador, apertando o botão do 8º andar.
- Bom dia
Disse Vanessa a uma mulher loura, o crachá dizia que se chamava Rosalie
- Bom dia, que posso ajuda-la?
- Gostaria de falar com Zachary - Pensou, ' Não posso entrar com a desculpa da pasta tenho que inventar algo, pensa Vanessa você é jornalista' - eu preciso de uma assessoria
- Sim a que nome devo anuncia
- Anne Hudgens - Mentiu usando seu nome do meio
- Tem hora marcada senhora Hudgens?
- Ah, não, é uma consulta rápida, me indicaram ele,
A loura ligou para o ramal do escritório onde o homem atendeu liberando a entrada da moça
- Siga-me
Vanessa seguiu a moça a levando até uma porta de cor marrom, deu três batidas, até escutar um 'Entre', abriu a porta pediu licença dando passagem para Vanessa
- Desculpe-me incomodar - Disse a morena - mais a pasta do senhor ficou no meio de minhas coisas quando nos esbarramos mais cedo
Zac girou a cadeira e fitou a mulher, tinha impressão que já a conhecia, Vanessa por sua vez fitou o escritório, tinha uma decoração leve, com as paredes pintadas em tom de areia, duas pelas estante repletas de livros de arte jurídica, um belo quadro em outra parede, mostrava uma cena medieval, a sua frente um home loiro de olhos azuis vestia um terno preto, camisa branca e uma gravada vermelha, a mesa continha um computador, e algumas pastas de processos, a frente havia duas cadeiras, provavelmente para seus clientes sentarem
- Ahn sente-se
Disse o homem
- Ah não precisa só vim lhe entregar isso mesmo
Entregou a pasta de couro preto na mão do advogado
- Espera, você se apresentou com outro nome, e não com o nome que se apresentou a mim na rua
Ela deu uma risada calma
- Sim, meu nome é Vanessa, Vanessa Anne Hudgens, e não preciso de um advogado, sou jornalista inventei essa pequena mentira para você me receber, achei que não acreditaria que vim somente devolver a pasta - Deu de ombros
- Ah, sim, entendi, chama-me somente de Zac, não gosto quando me chama pelo nome inteiro
- Ok
- Prazer Vanessa
Estendeu-lhe a mão com um sorriso terno
- Prazer Zac
Apertou-lhe a mão, e sentiram como se já se conhecessem
------------------------------------------------------------------------------------------------
Capitulo 01 postado, para quem leu o piloto e talvez não entenda este capitulo, o pirata Zac e a Princesa Vanessa estão se reencontrando no ano de 2010, talvez ao decorrer eu volte lá no navio pirata, mais nada decidido ainda, ou talvez continue daqui, e irei muar o nome da história já que mudei o rumo de medieval para os dias mais atuais.
Comentem, deem suas opiniões e criticas são sempre bem vindas.
Até o capítulo 03.
~♥



2 comentários:

  1. Aaaai já amei ♡♡
    Sei que independentemente do rumo que você dar a história,vou ficar viciada de qualquer jeito kkkkkk
    Continua logo amor, please
    Não demore, xoxo

    ResponderExcluir
  2. Amei o capítulo e o piloto.Posso te garantir que está numa ótima direção.Ansiosa e já viciada na sua fic Beijooos 😘😘

    ResponderExcluir